Publicidade

Antigamente, há não tanto tempo, as câmeras fotográficas eram carregadas com filmes de película sensíveis à luz. Esse era o componente que “gravava” uma imagem negativa para, a partir disso, seguir para o processamento de “revelação” e impressão da imagem em papel fotográfico. Tudo isso feito por um processo químico.

Hoje, no entanto, o dispositivo que é responsável por armazenar as imagens é conhecido como sensor, CCD ou CMOS.

Esse pequeno dispositivo é o atual responsável por capturar e armazenar as imagens fotográficas em um cartão de memória, eletronicamente.

Enquanto os “antigos” filmes eram compostos por uma mistura a base de prata para registrar imagens, os atuais sensores são constituídos de numerosos “photosites”, responsáveis por coletar a luz, convertê-la em eletricidade, alimentar o hardware da câmera e, assim, gravar a imagem em um cartão de memória.

A partir da gravação da imagem em um cartão de memória, esta poderá ser reproduzida de diversas formas, como exibição em telas de computadores, televisores ou impressas em diversos tipos e tamanhos de papeis fotográficos.

Dessa forma, compreender com usar os megapixels de uma câmera é importante para que se possa produzir fotografias adequadas ao meio com as quais serão utilizadas.

Entendendo os megapixels de uma câmera fotográfica

A palavra pixel é originada da união entre os termos picture e element, formando a expressão elemento de imagem.

Ao observarmos uma imagem de maneira muito próxima, é possível reconhecer pequenos quadrados coloridos, que, juntos, formam a fotografia ou a composição completa da imagem.

Esses pontos, que são a menor parte de uma imagem, levam o nome de pixels.

Daí vem o termo resolução, que representa o nível de detalhe que uma imagem comporta. Sendo assim, resoluções mais altas significam mais detalhes na imagem, pois representa quantos pixels em largura e altura uma imagem fotográfica possui.

Quantidade de Pixels e a qualidade das imagens

Um megapixel representa um milhão de pixels e é representado, geralmente como 1MP. Sendo assim, uma câmera fotográfica com 10MP terá 10 milhões de pixeis e assim por diante.

Essa informação é importante, porque quanto mais pixeis uma câmera tiver, maior poderá ser o tamanho da impressão de uma foto. Além disso, maior será também a qualidade da imagem produzida por câmeras com resoluções maiores.

A capacidade de armazenamento e quantidade de pixels de equipamentos fotográficos, além de outras características, é o que define o preço das câmeras fotográficas digitais.

Relação entre tamanho do sensor e quantidade de pixel

Todas as câmeras fotográficas possuem um sensor e em alguns modelos de câmeras high-end (leia sobre tipos de câmeras digitais) possuem sensores maiores com menor quantidade de pixel grande. Isso melhora a qualidade da imagem para uma câmera com menor custo, se comparadas com as profissionais.

Pixels grandes exigem menos processamento de hardware e fornece imagens brilhantes e claras em relação às imagens geradas por câmeras com com sensores físicos menores.

Qual é a resolução ideal

O primeiro critério a considerar na hora de decidir sobre a resolução da câmera fotográfica é considerar o uso do equipamento e a aplicação final da imagem.

Para publicar imagens na internet, por exemplo, câmeras com menor quantidade de pixel dão conta do recado.

Já, se o uso das imagens será destinado a impressões ou ampliações em papel fotográfico é preciso considerar a compra de câmeras com maior quantidade de pixels. Estas, no entanto, terão preços mais altos.

Atualmente, as câmeras fotográficas, por mais simples que sejam, entregam fotografias com mais de 10MP. Assim sendo, é possível fazer boas impressões.

Para dar uma dimensão, é possível imprimir imagens em tamanho A3 (297 x 420 mm) com câmeras a partir de 4MP.

Escolha da quantidade de pixel na câmera fotográfica

Quando falamos sobre a capacidade de pixel de uma câmera fotográfica, isso representa a capacidade total do equipamento.

No entanto, nem sempre é necessário utilizar a maior resolução e, em alguns casos, isso pode até atrapalhar na hora da edição da imagem.

O ideal é escolher a configuração adequada, de acordo com o uso final da imagem.

Lembre-se: mais pixels é igual a mais espaço em disco, fotos maiores, mais pesadas; enquanto que, menos pixels, representa imagens menores com menos espaço em disco.

Logo, se o objetivo fim será uma impressão, utiliza-se mais quantidade de pixels, o que gerará mais resolução. Já para uso em meios digitais a quantidade de pixel poderá ser menor.

Publicidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *