Publicidade

Se você tem curiosidade sobre o fato de como os fungos atingem as lentes fotográficas, então esse texto é para você.

Os fungos conseguem acessar lentes fotográficas por meio de mecanismos microscópicos, como a poeira por exemplo.

Depois de alojados, conseguem se reproduzir com facilidade, pois as lentes fotográficas propiciam o ambiente perfeito para a reprodução.

Um ambiente úmido e com zero de ventilação é perfeito para esses micro-organismos.

Nenhum fotógrafo quer fungos em suas lentes, pois além de prejudicar o equipamento e, consequentemente, as fotografias, ainda é possível que eles se proliferem para outros locais dentro da mesma lente ou, ainda, migrem para outras lentes próximas. Ou pior: cheguem até o espelho e sensor da câmera fotográfica.

Ao contrário do que se imagina, manter a câmera fotográfica guardada em sua respectiva bolsa protetora, não a protege dos fungos.

Isso porque aquele ambiente é um local perfeito para a proliferação dos fungos, já que é escuro, sem ventilação e úmido.

Por isso, aqui vão as dica de como evitar o aparecimento dos micro-organismos em lentes e equipamentos fotográficos. Mas, antes é preciso saber

O que são esses micro-organismos?

Os fungos são organismos microscópicos que se aglutinam e formam tecidos que formam bolores ou mofos e cogumelos. São plantas, bactérias e animais.

O que fazer para evitar fungos nas lentes fotográficas?

Fotografando

A melhor maneira de evitar fungos, adivinhe! É fazer o que mais se gosta: fotografar. Isso mesmo, pois a luz e o movimento dos mecanismo da câmera ajudarão prevenir o aparecimento de fungos.

Controle de unidade

É possível fazer o controle de umidade com uso de um acessível componente chamado silica gel, que previne a formação de mofo e oxidação.

O produto retira a umidade contida nos locais, impede que haja a proliferação de fungos e a reação química de produtos e materiais sensíveis às moléculas de água em suspensão.

O resultado, é a inibição da ferrugem e outras alterações de superfície.

Limpeza após o uso em locais de maresia ou umidade

Praia e natureza são temas que geram linda fotografias, não é verdade? Lembre-se apenas de fazer a limpeza das lentes, após usar o equipamento nesses ambientes.

Use um kit de limpeza para essa finalidade, como estes neste link.

Porém, atente-se a esta ordem de limpeza:

  1. Use primeiro a bombinha de ar, passando-a suavemente sobre a superfície da lente, enquanto a aperta para liberar o ar.
  2. Somente após a limpeza com a bombinha, use o pano especial, complementando a limpeza.
  3. Essa ordem é importante, porque evitará de riscar a lente com fragmentos minúsculos que lá estejam.

Evite contato com couro

Sim! O couro é um material orgânico e retém umidade. Dessa forma, mantenha seu equipamento fotográfico longe desse tipo de material.

Use filtro de proteção

Os filtros de lente possuem diversas finalidades para aprimorar as fotografias. Mas um deles pode ser utilizado como filtro de proteção e poderá fazer parte do conjunto ótico permanentemente.

Trata-se do filtro de proteção Ultra Violeta (FIltro UV) – esse acessório evita que a lente seja riscada e tenha contato direto com poeira e oleosidade causada pelos dedos colocados acidentalmente na lente.

Antes de adquirir o seu, certifique-se de escolher a milimetragem correta para a sua lente.

Limpeza do sensor

Caso os fungos tenham atingidos o sensor da câmera fotográfica, o melhor a fazer é levá-la para a assistência técnica especializada, preferencialmente a que for indicada no manual da câmera.

Não tente fazer a limpeza do sensor em casa.

Se as dicas foram úteis, compartilhe com os amigos.

Publicidade